quarta-feira, 4 de março de 2009

Se eu pular, Ele vai me segurar!

No primeiro semestre do ano passado, passei por um abalo na minha confiança em Deus que nunca tinha acontecido antes. Por mais ou menos um mês e meio, eu questionei muito o Senhor e falei que não confiava mais nEle. Por vezes, eu tentei confiar - e até imaginei aquela figura que o Doug havia mencionado na pregação dele sobre confiança, de que você pode pular no colo do Pai na água, mesmo que você não saiba nadar, porque Ele vai te segurar. Bom, eu imaginava isso e dizia pra Deus: "Não Deus, eu não acho que você vai me segurar. Eu não vou pular. Tenho muito medo de cair".

Eu sentia que minhas orações eram frias e religiosas e cada passo que eu dava pesava toneladas.

Mas que Deus é esse a quem servimos, senão um Pai compassivo e misericordioso que decidiu nos amar independentemente de nossas rebeldias?

Um certo dia, em um evento de oração, o Senhor resolveu me chamar pra um cantinho pra que fizéssemos as pazes. A princípio, eu nem sabia o que estava fazendo lá, até tentei ir pra outro lugar, mas Ele tinha marcado aquele encontro comigo e nada mais do que eu planejara deu certo. Naquele dia, eu chorei um choro de dor profunda. Ele me trouxe à memória muitas situações que vivi nos últimos 2 anos em Brasília, sem família, nas quais Ele estava comigo. Me trouxe à memória palavras de amor, palavras proféticas que eu havia me esquecido, momentos de intimidade dos quais eu já nem lembrava mais. Ele me trouxe à memória aquilo que me dava esperança.

Eu acho que não me lembro de uma situação em que o arrependimento em mim tenha doído tanto. Por quê eu deixara de confiar nEle?

A resposta a essa pergunta é totalmente relacionada à vida do meu eu, e não à morte dele. Por querer a minha vontade na hora em que eu achava que era correta, ou melhor, por querer que algo que o Senhor falou que faria para mim acontecesse num piscar de olhos e não ter o meu desejo realizado, entendi que não poderia mais confiar nEle.

Ontem entrei no site de Alberto e Kimberly Rivera (I LOVE them) e fiquei "soaking" com as músicas deles um pouco. Daí, escutei uma que está num cd chamado The Father Sings e é exatamente o pai cantando para nós. Digitei a letra enquanto ouvia. Como geralmente essas amostras do site não tocam tudo, não sei se tá completa - e não achei essa letra na internet. Mas só ter escutado a primeira frase pra mim já valeria a pena.

I do not treat you as you deserve
I do not repay you according to your sins
As high as the heavens are above the earth
So great it is my love for you
As far as the east is from the west
So far I have removed your transgressions from you

I am your father
And I have compassion on you
So great is my compassion for you
See, I remember how you were formed
I remember that you were dust
And I remember blowing my life into you

From everlasting to everlasting
My love is with you
From everlasting to everlasting
My love is with you
And my righteousness with your children's children
And I'll keep my convenant with you
Forever

O fato é que tenho passado por outra prova de confiança em Deus. Daqui a sete dias deixo os EUA e nem lugar pra morar no Brasil eu tenho.

Essa noite, sonhei que eu chegava em Brasília e de repente estava no Caseb (onde a igreja se reúne). Eu não sabia como tinha chegado lá, porque ninguém tinha ido me buscar no aeroporto. Algumas pessoas vinham me cumprimentar e perguntar como foi a viagem. Outras - as que eu considero mais amigas - me ignoravam e uma pessoa me dava um papel com seus telefones falando que eu poderia ligar se eu precisasse de algo. Mas eu não acreditava. O que eu mais precisava era um lugar pra ir, mas ninguém podia me dar. Daí, eu saía de lá andando, carregando a minha mala, pegava um ônibus, parava na Asa Sul e ficava perambulando por lá com essa mala. De repente eu tava de novo no Caseb e me lembrava que eu não tinha dado tchau pro meu pai - porque ele tinha ido pra uma conferência no dia da minha viagem. Acordei com lágrimas de verdade. Chorei tanto!

Coloquei aquela música do Diante do Trono pra tocar que fala: "Desde a antiguidade não se viu, nem jamais se ouviu de um Deus semelhante a Ti, que trabalha por quem espera e confia em Ti... enquanto eu descanso em Deus Ele me dá tudo o que preciso... aos seus amados Ele dá enquanto dormem".

Depois disso, peguei a palavra e comecei a ler Salmos. Logo cheguei no 102, que nos versículos 1 e 2 diz: "Ouve a minha oração, Senhor! Chegue a ti o meu grito de socorro! Não escondas de mim o teu rosto quando estou atribulado. Inclina para mim os teus ouvidos; quando eu clamar, responde-me depressa". Achei que era o Salmo perfeito pra hoje e comecei a orá-lo.

Mas, novamente, que Deus é esse? Senão aquele que cuida de nós nos mínimos detalhes?

E qual não foi a minha surpresa ao chegar ao fim desse salmo e ler no versículo 28:

"Os filhos dos teus servos terão uma habitação"

Talvez você também esteja em uma situação incerta em que a confiança no Senhor e em seus planos é primordial. Não desanime. Confie nEle. Espere no Senhor. Ele nunca nos desamparará. Nunca nos deixará. Ele decidiu nos amar. Se pularmos, não é preciso ter medo: Ele vai nos segurar!

Ah, desculpem esse post tão comprido!! Obrigada se você leu até aqui. Espero que a minha experiência tenha edificado!

Se você quiser acessar a página que tem a essa música, clique aqui.

6 comentários:

  1. Keke, muuuuito profundo o que vc compartilhou... Sinto que estou num período desses... de confiar no Pai e viver um dia de cada vez. É, a solução é descansar Nele mesmo...
    Vou estar orando por vc!!!
    Miss you!!!
    déia

    ResponderExcluir
  2. Keeeeeeeeeeesia, tudo o que a gente conversou esses dias, neh? to feliz de ver o quanto Deus tem falado com vc e te confortado, ou melhor a nós, neh?!?

    Sei que o Senhor direcionará o MELHOR!!!

    saudas
    love u!

    ResponderExcluir
  3. Que saudade do meu país tropical [2]

    ResponderExcluir
  4. As palavras de ontem e de hoje se encaixam tao bem as nossas situações! nao eh msm? =)

    by Marsha Burns
    March 5, 2009

    The Lord showed me that many are feeling out of pocket, out of bounds, or out of the comfort zone. And He said, "You are in a new and unfamiliar spiritual environment, and you have no clarity about it at this time. However, you need to stay mid-stream, that is in the middle of the flow of My Spirit. Refrain from any kind of presumption. Even though you are antsy, don't force anything. Be still and be silent until I speak or move you ahead. You have not been this way before, and it will be very unsettling." Then, I had a vision of a page in a pop-up book that was folded down, and when it unfolded it was a picture of a landscape. And, the Lord said, "This new spiritual landscape will unfold shortly and at the proper time. Then, revelation will come with precision and clarity. Be patient."

    James 1:4 But let patience have its perfect work, that you may be perfect and complete, lacking nothing.

    ResponderExcluir
  5. tá atualizando mais rápido, amada, que bom =)

    é, é como disse meu amigo Paulo, "...sofro essas coisas. Mas AINDA tenho muita confiança, pois SEI em quem tenho crido..."

    ass: vc sabe ;D

    hehe

    ResponderExcluir
  6. Filha, cada tempo q passamos por lutas, crescemos um pouco mais. Vejo o qto vc tem crescido, amadurecido e experimentado a dependência do Pai. Sei q ELE está sempre no controle, as vezes não parece, mas sei q está, por isso podemos confiar NEle sempre. Amo vc filha e obrigada por esse tempo aqui conosco, vc nos trouxe muito alegria. Te aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaamo.Mams.

    ResponderExcluir